segunda-feira, 31 de março de 2014

Gonçalo M. Tavares

Os Soldados


Numa estação de comboios, dois soldados, debruçados sobre o guiché, compram os bilhetes. As suas mãos tremem. Estão nervosos.
Passa um homem, um vendedor, que traz três muletas na mão. Espera que os soldados comprem o seu bilhete para se aproximar, oferecendo as muletas por bom preço.
Mas os dois soldados têm as pernas intactas, caminham normalmente.



Gonçalo M. Tavares (2011). «Os Soldados». In: Short Movies. Alfragide: Caminho, p. 89.


Sem comentários:

Publicar um comentário